Achieve Mastery of Medical Concepts

Study for medical school and boards with Lecturio

Melasma

Melasma é uma condição de pele benigna caracterizada pela hiperpigmentação das regiões expostas ao sol devido ao excesso de produção e deposição de melanina. Esta condição afeta maioritariamente mulheres em idade fértil, particularmente aquelas com tons de pele mais escuros. As manchas hiperpigmentadas aparecem tipicamente no rosto, especialmente nas bochechas, queixo, testa e lábio superior. O diagnóstico é clínico. O tratamento inclui proteção solar e agentes despigmentantes tópicos.

Última atualização: 12 May, 2022

Responsibilidade editorial: Stanley Oiseth, Lindsay Jones, Evelin Maza

Descrição Geral

Definição

Melasma, também conhecido como cloasma, é uma condição da pele, benigna, caracterizada pela hiperpigmentação nas áreas expostas ao sol.

Epidemiologia

  • Prevalência com elevada variação: 1,5%–15.5%
  • Sexo: é 9 vezes mais comum nas mulheres do que nos homens
  • Idade:
    • Raro antes da puberdade
    • Mais comum em idade fértil
  • Raça:
    • Maior prevalência em indivíduos com tons de pele mais escuros
    • Mais comum em indivíduos hispânicos e asiáticos

Etiologia

  • Exposição à luz solar/radiação ultravioleta (UV)
  • Fatores hormonais:
    • Gravidez (o melasma é frequentemente apelidado de “mancha da gravidez”)
    • Uso da pílula contracetiva oral (PCO)
    • Terapia hormonal de substituição (THS)
  • Medicação fotossensibilizante
  • Predisposição genética
  • Forte associação com doenças da tiroide

Fisiopatologia

Os melanócitos hiperativos depositam melanina em excesso na epiderme e na derme da pele.

Vídeos recomendados

Apresentação Clínica e Diagnóstico

Apresentação clínica

Os pacientes desenvolvem lesões hiperpigmentadas.

  • Ocorre em qualquer área do corpo exposta ao sol, com maior frequência:
    • Bochechas
    • Queixo
    • Testa
    • Lábio superior
  • Aparência:
    • Bronze ou castanho
    • Bem demarcado.
    • Formas irregulares
    • Simétrico
    • Máculas ou manchas

Diagnóstico

O diagnóstico de melasma é clínico.

Tratamento e Prognóstico

Tratamento

  • Tratamento geral:
    • Minimizar a exposição solar.
    • Uso de protetor solar
    • Considerar a descontinuação ou alternativas à THS e PCO.
    • Os pacientes devem ser avaliados quanto à possibilidade de doenças da tiroide.
  • Os despigmentantes tópicos são o tratamento de 1ª linha:
    • Creme de hidroquinona
    • Ácido azelaico
    • Retinóides tópicos (tretinoína)
  • Os peelings químicos ou a terapia a laser são opções de segunda linha se o tratamento tópico falhar.

Prognóstico

  • O melasma associado à gravidez desaparece frequentemente de forma espontânea no espaço de um ano após o parto.
  • A recorrência é comum com a exposição solar, independentemente do evento que tenha provocado a doença.

Diagnóstico Diferencial

  • Nevo de Hori: uma patologia de hiperpigmentação frequentemente observada em populações asiáticas, particularmente em mulheres chinesas e japonesas em idade reprodutiva. O nevo de Hori é uma patologia adquirida que muitas vezes se apresenta sob a forma de máculas bilaterais, com manchas, de cores azuis-acinzentadas a cinzentas-acastanhadas nas bochechas, mas que também podem afetar outras partes do rosto. O diagnóstico é clínico. Normalmente, o tratamento é feito com terapia a laser e peelings químicos.
  • Melanose de Riehl: também conhecida como dermatite de contacto pigmentada, uma patologia da pele causada por ingredientes cosméticos. Inicia-se com eritema e prurido, seguido de uma hiperpigmentação difusa e reticulada da pele. O rosto e o pescoço estão frequentemente envolvidos. O diagnóstico é clínico, mas os testes epicutâneos podem ser efetuados para identificar qual o agente causador. O tratamento inclui evitar o agente causador, medidas de proteção da pele e branqueamento da pele.
  • Lúpus eritematoso discóide: a forma mais comum de lúpus cutâneo. A patologia apresenta-se sob a forma de placas descamativas circulares, vermelhas ou roxas, e ocorre mais frequentemente na cabeça e pescoço. Lesões hiperpigmentadas podem estar intercaladas com áreas de cicatrização e hipopigmentação. As lesões também são fotossensíveis. O diagnóstico é feito com identificação de autoanticorpos. Os esteroides e os medicamentos antimaláricos são utilizados no tratamento.
  • Lentigos solares: patologia de hiperpigmentação, causada por exposição solar crónica e excessiva. Apresenta-se sob a forma de máculas bronzes ou castanhas-escuras em áreas da pele expostas ao sol. O diagnóstico é clínico, mas pode ser feita uma biópsia para excluir cancro da pele. O tratamento é feito com crioterapia ou lasers.
  • Dermatite de contacto fototóxica: uma reação cutânea causada pelo uso de um fármaco fototóxico, sistémico ou tópico, que provoca um aumento da sensibilidade da pele à radiação UV. Os pacientes apresentam lesões semelhantes a queimaduras solares graves com eritema nas regiões expostas ao sol. Também podem aparecer vesículas e bolhas. Geralmente, o diagnóstico é clínico. O tratamento pode passar por evitar a exposição solar, agentes fototóxicos, corticosteroides tópicos ou sistémicos e compressas frias.

Referências

  1. Lehrer, M. (2018). Melasma. Retrieved March 4, 2021, from https://medlineplus.gov/ency/article/000836.htm
  2. Grimes, P.E. (2019). Melasma: Epidemiology, pathogenesis, clinical presentation, and diagnosis. UpToDate. Retrieved March 4, 2021, from https://www.uptodate.com/contents/melasma-epidemiology-pathogenesis-clinical-presentation-and-diagnosis
  3. Vashi, N., Kundu, R. (2019). Acquired hyperpigmentation disorders. UpToDate. Retrieved March 4, 2021, from https://www.uptodate.com/contents/acquired-hyperpigmentation-disorders
  4. Grimes, P. E., Callender, V. D. (2021). Melasma: Management. UpToDate. Retrieved March 4, 2021, from https://www.uptodate.com/contents/melasma-management
  5. Das, S. (2020). Hyperpigmentation. MSD Manual Professional Version. Retrieved March 10, 2021, from https://www.msdmanuals.com/professional/dermatologic-disorders/pigmentation-disorders/hyperpigmentation
  6. Basit, H., Godse, K.V., and Al Aboud, A.M. (2021). Melasma. StatPearls. Retrieved March 10, 2021, from https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK459271/
  7. Lyford, W.H. (2020). Melasma. In James, W.D. (Ed.). Medscape. Retrieved March 10, 2021, from https://emedicine.medscape.com/article/1068640-overview

USMLE™ is a joint program of the Federation of State Medical Boards (FSMB®) and National Board of Medical Examiners (NBME®). MCAT is a registered trademark of the Association of American Medical Colleges (AAMC). NCLEX®, NCLEX-RN®, and NCLEX-PN® are registered trademarks of the National Council of State Boards of Nursing, Inc (NCSBN®). None of the trademark holders are endorsed by nor affiliated with Lecturio.

Estuda onde quiseres

A Lecturio Medical complementa o teu estudo através de métodos de ensino baseados em evidência, vídeos de palestras, perguntas e muito mais – tudo combinado num só lugar e fácil de usar.

Aprende mais com a Lecturio:

Complementa o teu estudo da faculdade com o companheiro de estudo tudo-em-um da Lecturio, através de métodos de ensino baseados em evidência.

User Reviews

¡Hola!

Esta página está disponible en Español.

🍪 Lecturio is using cookies to improve your user experience. By continuing use of our service you agree upon our Data Privacy Statement.

Details