Achieve Mastery of Medical Concepts

Study for medical school and boards with Lecturio

Helicobacter

Helicobacter pylori é uma bactéria gram-negativa que causa infeção gástrica. É a espécie de Helicobacter mais conhecida e clinicamente significativa. Consta-se que a transmissão ocorra pela ingestão de alimentos ou água contaminados; assim, é observada uma maior prevalência da infeção em áreas com condições precárias de saneamento. Algumas características bacterianas contribuem para a patogenicidade de H. pylori: produção de urease (permitindo a sobrevivência num ambiente ácido), motilidade (permitindo o movimento no epitélio gástrico) e várias toxinas (que criam dano local e inflamação). A infeção crónica por H. pylori pode levar a úlcera péptica ou mesmo a neoplasia gástrica nos casos graves.

Última atualização: May 17, 2022

Responsibilidade editorial: Stanley Oiseth, Lindsay Jones, Evelin Maza

Classificação

Fluxograma de classificação de bactérias gram negativas

Bactérias gram-negativas:
A maioria das bactérias pode ser classificada de acordo com um procedimento de laboratório chamado coloração de Gram.
As paredes celulares bacterianas com uma camada fina de peptidoglicanos não retêm a coloração cristal violeta utilizada na técnica coloração de Gram. No entanto, as bactérias gram-negativas retêm a coloração de contraste de safranina e aparecem com cor vermelho-rosado. Estas bactérias podem ainda ser classificadas de acordo com a sua morfologia (diplococos, bastonetes curvos, bacilos e cocobacilos) e capacidade de crescerem na presença de oxigénio (aeróbios versus anaeróbios). As bactérias Gram-negativas podem ser identificadas com precisão através de culturas em meios específicos (Agar Tríplice Açúcar Ferro (TSI)), com a identificação das enzimas (urease, oxidase) e determinação da capacidade de fermentar a lactose.
* Cora pouco com coloração de Gram
** Bastonete pleomórfico/cocobacilos
*** Requer meios de transporte especiais

Imagem por Lecturio.

Características

Particularidades:

  • Corantes:
    • Gram-negativo
    • Detetado com corante de prata
  • Morfologia:
    • Bastonete móvel
    • Forma curva
    • Contém vários flagelos
  • Crescimento e cultura:
    • Microaerofílico
    • Condições de crescimento complexas (requer meios de transporte especiais)
    • Oxidase positivo, catalase positivo
    • Produção de urease: cria um ambiente alcalino que permite a sobrevivência de bactérias na mucosa ácida

O género Helicobacter apresenta cerca de 35 espécies, sendo H. pylori o mais conhecido.

Micrografia eletrônica de helicobacter pylori

Micrografia eletrónica de Helicobacter pylori com múltiplos flagelos (contraste negativo do corante)

Imagem: “Electron micrograph of helicobacter pylori” por Yutaka Tsutsumi, MD Licença: Domínio Público

Vídeos recomendados

Patogénese

Transmissão

  • Microorganismo onipresente
  • Os seres humanos são o reservatório primário.
  • Adquirido por:
    • Ingestão:
      • Transmissão oral-oral: bactérias regurgitadas com conteúdo gástrico que colonizam temporariamente a cavidade oral
      • Transmissão fecal-oral: alimentos e água contaminados (más condições sanitárias)
    • Contacto pessoa a pessoa: aglomerados de infeção observados nas famílias
  • Prevalência da infeção:
    • Baixa na infância
    • 40%–50% em adultos mais velhos
    • Maior em países em desenvolvimento
Infecção por helicobacter pylori

A infeção por Helicobacter pylori através da ingestão de um agente patogénico resulta em úlcera gástrica ou gastrite.

Imagem por Lecturio.

Características patogénicas de Helicobacter pylori

  • Microrganismo positivo para urease que produz amónia:
    • Neutraliza o ácido gástrico → hipocloridria → estimula a produção de gastrina → ácido gástrico aumentado → dano da mucosa
    • A neutralização inicial do ácido gástrico permite a colonização da mucosa.
  • Os múltiplos flagelos permitem a penetração rápida da mucosa.
  • Mucinase e citotoxinas:
    • Produzem dano tecidual local
    • Atuam como quimioatraentes e ativam a resposta inflamatória do hospedeiro
  • Efeitos: gastrite, desenvolvimento de úlcera(s), carcinoma gástrico e linfomas MALT gástricos
Características patogênicas do helicobacter pylori

Características patogénicas de Helicobacter pylori

Imagem por Lecturio.

Doenças Associadas

Gastrite

  • Aumento da produção de ácido gástrico ou dano da barreira da mucosa gástrica → irritação do revestimento sensível do estômago → gastrite
  • A infeção por H. pylori é uma das etiologias mais comuns.
  • Pode ser assintomática ou manifestar sintomas como dor abdominal associada a sensação de ardor, dispepsia, náuseas e vómitos
  • Tratamento da infeção por H. pylori: inibidor da bomba de protões associado a esquema de antibioterapia

Úlceras gástricas e duodenais

  • Dois tipos mais comuns de úlceras pépticas:
    • Úlcera gástrica:
      • Localizada no estômago
      • Classicamente associada à dor que agrava ao comer
    • Úlcera duodenal:
      • Localizada no duodeno
      • Habitualmente apresenta melhoria/alívio da dor ao comer, seguido de agravamento da dor após a refeição.
  • As etiologias mais comuns incluem infeção por H. pylori e uso prolongado de AINEs.
  • Tratamento:
    • Erradicação do H. pylori (antibióticos e inibidores da bomba de protões)
    • Eliminação dos fatores de risco

Adenocarcinoma gástrico

  • Neoplasia maligna do revestimento do estômago.
  • Segundo cancro mais comum do trato GI
  • Infeção crónica por H. pylori: associada a um risco aumentado de adenocarcinoma gástrico

Anemia por deficiência de ferro e deficiência de vitamina B 12

Na infecção por H. pylori :

  • É observada ↓ da absorção de ferro no trato GI, pois a absorção de ferro requer um ambiente ácido.
  • A gastrite crónica gera inflamação das células produtoras de ácido → perda da produção de ácido → absorção reduzida de ferro
  • A inflamação contínua também leva à perda de células parietais a partir das quais o fator intrínseco é produzido.
  • Sem fator intrínseco desenvolve-se, por conseguinte, défice de vitamina B 12 .

Referências

  1. Jensen P. J., Feldman M. (2020). Acute and chronic gastritis due to Helicobacter pylori. Retrieved 20 April 2021, from https://www.uptodate.com/contents/acute-and-chronic-gastritis-due-to-helicobacter-pylori
  2. Kusters J. G., van Vliet A. H. M., Kuipers E. J. (2006). Pathogenesis of Helicobacter pylori infection. Clinical Microbiology Reviews 19:449–490.
  3. Riedel S., Hobden J. A., Miller S., et al. (Eds.). (2019). Jawetz, Melnick, & Adelberg’s Medical Microbiology, 28th ed. McGraw-Hill.
  4. Lamont, J. T., Feldman M. (2020). Bacteriology and epidemiology of Helicobacter pylori infection. Retrieved 20 April 2021, from https://www.uptodate.com/contents/bacteriology-and-epidemiology-of-helicobacter-pylori-infection

USMLE™ is a joint program of the Federation of State Medical Boards (FSMB®) and National Board of Medical Examiners (NBME®). MCAT is a registered trademark of the Association of American Medical Colleges (AAMC). NCLEX®, NCLEX-RN®, and NCLEX-PN® are registered trademarks of the National Council of State Boards of Nursing, Inc (NCSBN®). None of the trademark holders are endorsed by nor affiliated with Lecturio.

Aprende mais com a Lecturio:

Complementa o teu estudo da faculdade com o companheiro de estudo tudo-em-um da Lecturio, através de métodos de ensino baseados em evidência.

Estuda onde quiseres

A Lecturio Medical complementa o teu estudo através de métodos de ensino baseados em evidência, vídeos de palestras, perguntas e muito mais – tudo combinado num só lugar e fácil de usar.

User Reviews

¡Hola!

Esta página está disponible en Español.

Details