Achieve Mastery of Medical Concepts

Study for medical school and boards with Lecturio

Fármacos Antirreumáticos Modificadores de Doença

Os fármacos antirreumáticos modificadores de doença são fármacos anti-inflamatórios usados para tratar a artrite reumatoide. Estes atrasam a progressão da doença, mas não curam. Os fármacos são classificados como agentes sintéticos ou biológicos e cada um tem mecanismos exclusivos de ação e efeitos laterais. Os efeitos laterais mais comuns entre os fármacos antirreumáticos modificadores de doença incluem a supressão da medula óssea e a hepatotoxicidade. A leflunomida, o metotrexato e os inibidores do fator de necrose tumoral (TNF)-ɑ são evitados na gravidez devido ao seu potencial de teratogenicidade. A hidroxicloroquina e a sulfassalazina são seguras durante a gravidez.

Última atualização: Jun 27, 2022

Responsibilidade editorial: Stanley Oiseth, Lindsay Jones, Evelin Maza

Visão Geral dos Fármacos Antirreumáticos

Definição

Os fármacos antirreumáticos são usados para tratar a artrite reumatoide, retardando a progressão da doença.

Indicações gerais

Os fármacos antirreumáticos são indicados para:

  • Artrite reumatoide (AR)
  • Psoríase
  • Artrite psoriática
  • Lúpus eritematoso sistémico e vasculites
  • Artrite idiopática juvenil (AIJ)
  • Colite ulcerosa
  • Doença de Crohn
  • Espondilite anquilosante

Classificação

  • Fármacos sintéticos:
    • Leflunomida
    • Metotrexato
    • Sulfassalazina
    • Hidroxicloroquina
  • Agentes biológicos: inibidores do fator de necrose tumoral (TNF)-ɑ

Leflunomida

Tabela: Leflunomida
Mecanismo de ação
  • Inibe a diidroorotato desidrogenase
  • Interrompe a síntese de novo de pirimidinas
  • Inibe a proliferação de células imunes
Efeitos fisiológicos
  • Efeito anti-inflamatório
  • Efeito antiproliferativo
Metabolismo
  • Conversão hepática num metabolito ativo (teriflunomida)
  • Metabolização posterior em metabolitos inativos
Eliminação
  • Tempo para atingir o pico: 6–12 horas
  • Semi-vida: 18-19 dias
Indicações específicas
  • Artrite reumatoide
  • Artrite psoriática
Contraindicações específicas
  • Insuficiência hepática grave
  • Anafilaxia prévia
Complicações/efeitos adversos
  • Cefaleia
  • Erupção cutânea
  • Diarreia
  • Supressão da medula óssea com pancitopenia
  • Hepatotoxicidade
  • Teratogenicidade
  • Fazer um teste de gravidez antes de iniciar a leflunomida para descartar gravidez e aconselhar o uso de métodos anticoncecionais eficazes durante o tratamento com a mesma.

Metotrexato

Tabela: Metotrexato
Mecanismo de ação
  • Análogo do folato
  • Inibe a DHF redutase:
    • ↓ Conversão de DHF em THF
    • ↓ Síntese de pirimidina e purina
    • ↓ Proliferação de células imunológicas
Efeitos fisiológicos
  • Imunossupressor
Metabolismo
  • Início de ação: 3-6 semanas
  • Tempo para atingir o pico: 0,75–6 horas
Eliminação
  • Semi-vida:
    • Crianças: 0,75-5,8 horas
    • Adultos: 3-15 horas (IV tem semi-vida mais longa do que oral)
Indicações específicas
  • Doenças neoplásicas tratadas com metotrexato:
    • Leucemia (e.g., leucemia linfoblástica aguda)
    • Linfoma
    • Sarcoma
    • Coriocarcinoma
  • Doenças não neoplásicas tratadas com metotrexato:
    • Artrite reumatoide
    • Interrupção medicamentosa da gravidez (junto com o misoprostol)
    • Gravidez ectópica
    • Doença inflamatória intestinal
    • Vasculite
Contraindicações específicas
  • Amamentação ou gravidez
  • História de anafilaxia
  • Alcoolismo
  • Doença hepática crónica
  • Imunodeficiência
  • Discrasia sanguínea (e.g., anemia grave)
Complicações/efeitos adversos
  • Supressão da medula óssea com pancitopenia:
    • Reversível com resgate com leucovorina (ácido folínico)
    • Metotrexato em altas doses deve ser seguido por leucovorina
  • Hepatotoxicidade
  • Estomatite
  • Fibrose pulmonar
  • Nefrotoxicidade
  • Teratogenicidade
DHF: diidrofolato
THF: tetraidrofolato
Estrutura do metotrexato fármacos antirreumáticos modificadores de prognóstico

Estrutura do metotrexato: fármaco usado para tratar neoplasias e, como fármaco imunossupressor, condições como a artrite reumatoide

Imagem por Lecturio. Licença: CC BY-NC-SA 4.0

Sulfassalazina

Tabela: Sulfassalazina
Mecanismo de ação
  • Metabolizada em sulfapiridina e mesalamina pelas bactérias do cólon
  • 5-ASA (também conhecida como mesalamina) inibe a produção de prostaglandinas inflamatórias
  • Suprime o TNF-ɑ e a IL-1
Metabolismo
  • Convertida no cólon em sulfapiridina e 5-ASA para posterior absorção
Eliminação
  • Semi-vida média de eliminação: 7,5 horas
  • Tempo médio para atingir o pico: 6 horas
Indicações específicas
  • Artrite reumatoide juvenil
  • Artrite reumatoide
  • Colite ulcerosa
Contraindicações específicas
  • Hipersensibilidade conhecida
  • Obstrução
  • Porfiria
Complicações/efeitos adversos
  • Anafilaxia
  • Hepatotoxicidade
  • Estomatite
  • Oligospermia reversível
  • Hepatotoxicidade
  • Anemia hemolítica
5-ASA: ácido 5-aminossalicílico
TNF: fator de necrose tumoral
IL-1: interleucina-1

Hidroxicloroquina

Tabela: Hidroxicloroquina
Mecanismo de ação
  • Altera os vacúolos digestivos:
    • Aumenta o pH
    • Interfere com a degradação lisossomal da hemoglobina
Efeitos Fisiológicos
  • Suprime TNF-ɑ e IL-1
  • Diminui a inflamação
Metabolismo A absorção é incompleta.
Eliminação
  • Eliminado por via renal, excretado na urina
  • Semi-vida de eliminação: 40 dias
Indicações específicas
  • Lúpus
  • Malária
  • Artrite reumatoide
Contraindicações específicas Hipersensibilidade conhecida
Complicações/efeitos adversos
  • Retinopatia
  • Prurido em indivíduos melanodérmicos
  • Prolongamento do QT com risco de torsades de pointes
TNF: fator de necrose tumoral
IL-1: interleucina-1

Inibidores do TNF-ɑ

Tabela: inibidores do TNF-ɑ
Agentes
  • Anticorpos monoclonais:
    • Adalimumab
    • Golimumab
    • Certolizumab
    • Infliximab
  • Proteína de fusão do recetor: etanercept
Mecanismo de ação
  • Inativa o TNF-ɑ
  • Diminui a inflamação
Indicações específicas
  • Artrite reumatoide
  • Doença de Crohn
  • Certas neoplasias (e.g., infliximab na neoplasia de células renais)
Observações Realizar o teste cutâneo da tuberculina antes de prescrever inibidores do TNF-ɑ.
Complicações/efeitos adversos
  • Insuficiência cardíaca congestiva
  • Desmielinização
  • Infeção
  • Malignidade (linfoma hepatoesplénico de células T)
  • Reativação da tuberculose
  • Reativação da infeção por HBV
  • Lúpus induzido por fármacos (etanercept)
TNF: fator de necrose tumoral

Comparação de Fármacos Antirreumáticos

A tabela seguinte compara e contrasta os fármacos antirreumáticos:

Tabela: Fármacos antirreumáticos modificadores de doença
Fármaco Mecanismo de ação Efeitos adversos
Leflunomida
  • Inibe a diidroorotato desidrogenase
  • Interrompe a síntese de novo de pirimidinas
  • Supressão da medula óssea com pancitopenia
  • Hepatotoxicidade
  • Teratogenicidade
Metotrexato
  • Análogo do folato
  • Inibe a dihidrofolato redutase: diminui a produção de THF
  • Interrompe a síntese de novo de pirimidinas e purinas
  • Supressão da medula óssea com pancitopenia
  • Hepatotoxicidade
  • Estomatite
  • Fibrose pulmonar
  • Nefrotoxicidade
  • Teratogenicidade
Sulfassalazina
  • 5-ASA (mesalamina) inibe a produção de prostaglandinas inflamatórias
  • Suprime o TNF-ɑ e a IL-1
  • Alergia ao grupo sulfa
  • Hepatotoxicidade
  • Estomatite
  • Oligospermia reversível
  • Anemia hemolítica
Hidroxicloroquina
  • Suprime o TNF-ɑ e a IL-1
  • Retinopatia
  • Prurido em indivíduos melanodérmicos
  • Prolongamento do QT com risco de torsades de pointes
Inibidores do TNF-ɑ
  • Inativa o TNF-ɑ
  • Insuficiência cardíaca congestiva
  • Desmielinização
  • Infeção
  • Neoplasias
  • Reativação da tuberculose
  • Reativação da infeção por HBV
  • Lúpus induzido por fármacos (etanercept)
TNF: fator de necrose tumoral
5-ASA: ácido 5-aminossalicílico
IL-1: interleucina-1
HBV: vírus da hepatite B

Referências

  1. Lexicomp. Hydroxychloroquine: Drug information. UpToDate. Retrieved May 31, 2021, from https://www.uptodate.com/contents/hydroxychloroquine-drug-information
  2. Kirkham, B. (2020). Tumor necrosis factor-alpha inhibitors: An overview of adverse effects. UpToDate. Retrieved May 31, 2021, from https://www.uptodate.com/contents/tumor-necrosis-factor-alpha-inhibitors-an-overview-of-adverse-effects

USMLE™ is a joint program of the Federation of State Medical Boards (FSMB®) and National Board of Medical Examiners (NBME®). MCAT is a registered trademark of the Association of American Medical Colleges (AAMC). NCLEX®, NCLEX-RN®, and NCLEX-PN® are registered trademarks of the National Council of State Boards of Nursing, Inc (NCSBN®). None of the trademark holders are endorsed by nor affiliated with Lecturio.

Aprende mais com a Lecturio:

Complementa o teu estudo da faculdade com o companheiro de estudo tudo-em-um da Lecturio, através de métodos de ensino baseados em evidência.

Estuda onde quiseres

A Lecturio Medical complementa o teu estudo através de métodos de ensino baseados em evidência, vídeos de palestras, perguntas e muito mais – tudo combinado num só lugar e fácil de usar.

User Reviews

¡Hola!

Esta página está disponible en Español.

Details