Domina os Conceitos Médicos

Estuda para o curso e exames de Medicina com a Lecturio

Artérias: Histologia

As artérias são coleções tubulares de células que transportam sangue oxigenado e nutrientes do coração para os tecidos do corpo. O sangue passa pelas artérias por ordem decrescente de diâmetro luminal, começando na maior artéria (a aorta) e terminando nas pequenas arteríolas. As artérias são classificadas em 3 tipos: grandes artérias elásticas, artérias médias musculares e pequenas artérias e arteríolas. Cada um destes tipos de artérias contém 3 camadas primárias: a túnica íntima, a túnica média e a túnica adventícia. Em particular, a túnica média contém células musculares lisas (permitindo a vasoconstrição) e, nos vasos maiores, uma quantidade significativa de elastina (permitindo que esses vasos se estiquem e se retraiam em resposta às alterações na pressão durante a sístole e a diástole).

Última atualização: 3 May, 2022

Responsibilidade editorial: Stanley Oiseth, Lindsay Jones, Evelin Maza

Descrição Geral

Definição

As artérias são coleções tubulares de células que transportam sangue oxigenado e nutrientes do coração para os tecidos do corpo.

Características gerais

Todas as artérias têm as seguintes características:

  • Paredes mais espessas com lúmens menores do que as veias
  • Aparecem redondas na histologia
  • São vasos de resistência:
    • Criam a maior parte da resistência na circulação
    • Sistema de alta pressão
    • Podem regular a resistência vascular e a velocidade do fluxo sanguíneo contraindo ou relaxando o músculo liso dentro das suas paredes
  • Vasos para o transporte do sangue que flui: O sangue passa pelas artérias por ordem decrescente de diâmetro luminal, começando na maior artéria (a aorta) e terminando nas menores (as arteríolas) antes de entrar nos leitos capilares.

Camadas da Parede do Vaso

Todas as artérias têm a mesma estrutura básica e são compostas por três camadas primárias: a túnica íntima, a túnica média e a túnica adventícia (também conhecida como túnica externa).

Estrutura de uma parede de artéria

Estrutura de uma parede de artéria

Imagem: “Structure of an artery wall” por Phil Schatz. Licença: CC BY 4.0
Corte transversal de artéria e veia

Corte transversal de artéria e veia

Imagem: “Types of Arteries and Arterioles” por Phil Schatz. Licença: CC BY 4.0, editado por Lecturio.

Túnica íntima

  • Composta por:
    • Uma única camada de células endoteliais (células epiteliais escamosas simples)
    • Pequenas quantidades de tecido conjuntivo fibroso
  • Funções:
    • Atua como uma barreira seletivamente permeável
    • Secreta substâncias vasoativas
    • Quando intacta, permite que o vaso sanguíneo tenha um revestimento liso, evitando a agregação de plaquetas e/ou eritrócitos
  • O endotélio parece ondulado devido à constrição do músculo liso.
  • Vascularizado por difusão direta do lúmen
  • Nos capilares: Esta é a única camada presente na parede do vaso.
  • Nos vasos maiores: Há uma membrana elástica interna que separa a túnica íntima da túnica média.

Túnica média

  • Composta por:
    • Músculo liso
    • Fibras elásticas (por exemplo, elastina)
    • Colagénio
  • Funções:
    • O músculo liso permite que os vasos ajustem o fluxo sanguíneo através da vasoconstrição e vasodilatação.
    • A elastina em vasos maiores permite que o vaso recue.
    • O colagénio fornece força e estrutura.
  • Geralmente a camada mais espessa (pode variar em tamanho)
  • Em vasos maiores: Há uma membrana elástica externa que separa a túnica média da túnica adventícia.

Túnica adventícia

  • Também chamada túnica externa
  • Composta por tecido conjuntivo:
    • Fibras colagenosas e elásticas
    • Funde-se com o tecido conjuntivo em redor dos vasos, nervos e órgãos vizinhos
  • Funções:
    • Fortalece a parede do vaso
    • Ancora o vaso
  • Inervada por pequenos nervos conhecidos como nervi vasorum
  • Vascularizada por pequenos vasos conhecidos como vasa vasorum

Tipos de Artérias

Existem 3 tipos principais de artérias, com base no seu tamanho geral, função e composição (conhecidas como diferenciação segmentar). As artérias geralmente existem num continuum, com alterações graduais na morfologia dos vasos movendo-se ao longo da árvore arterial.

Os 3 principais tipos de artérias são:

  • Grandes artérias elásticas (também conhecidas como artérias condutoras)
  • Artérias musculares médias (também conhecidas como artérias de distribuição)
  • Pequenas artérias e arteríolas
Tipos de artérias e arteríolas

3 tipos principais de artérias

Imagem: “Types of Arteries and Arterioles” por Phil Schatz. Licença: CC BY 4.0
Pressões intraluminais de diferentes vasos

Pressões intraluminais de diferentes vasos

Imagem por Lecturio.

Artérias grandes/elásticas

Este grupo inclui as maiores artérias do corpo; todas as artérias grandes/elásticas estão próximas do coração. A aorta é a maior artéria do corpo.

Artérias grandes/elásticas incluem:

  • Aorta
  • Tronco e artérias pulmonares
  • Tronco braquiocefálico
  • Artérias carótidas comuns
  • Artérias subclávias
  • Artérias ilíacas comuns

Características:

  • Lúmens grandes
  • A túnica íntima inclui uma camada subendotelial contendo músculo liso adicional.
  • Muitas redes de fibra elástica dentro da média
    • As fibras elásticas têm fenestrações:
      • Pequenas lacunas, ou “janelas”, dentro das fibras elásticas
      • Permitem a difusão de nutrientes através da parede
    • As fibras elásticas são o tipo de tecido dominante na túnica média da aorta.
    • Permitem que estes vasos se retraiam
  • Retração: Os vasos podem se esticar e regressar à sua forma original após receberem o volume sistólico de sangue ejetado pelo ventrículo esquerdo durante a sístole.
  • Efeitos da distensão e retração na pressão arterial:
    • Minimizam as alterações na pressão arterial a jusante durante a sístole
    • Mantêm a pressão arterial durante a diástole
  • Função de Windkessel:
    • Durante a sístole, as paredes dos vasos esticam-se, permitindo que o sangue ejetado durante a sístole seja momentaneamente “armazenado”.
    • Durante a diástole, as paredes dos vasos retraem-se e essa “força de retração” move o sangue armazenado para a periferia.

Artérias musculares médias

  • Função principal: distribuição de sangue para os órgãos
  • Também conhecidas como artérias de distribuição
  • A túnica média tem predominância de músculo liso:
    • Média de 25 a 40 camadas de músculo liso (aproximadamente ¾ da espessura da parede)
    • Capacidade significativa de vasoconstrição e vasodilatação, resultando em capacidade significativa de regular o fluxo sanguíneo
  • Estas artérias estão mais distantes do coração do que as grandes artérias.
  • A maioria dos vasos sanguíneos “nomeados” que não são grandes são artérias musculares médias (por exemplo, artérias braquial, femoral e esplénica).

Pequenas artérias e arteríolas

  • Estes vasos geralmente não são nomeados.
  • A maioria destes vasos pode ser observada apenas sob ampliação.
  • Também conhecidos como vasos de resistência
  • Tecido relativamente pouco elástico
  • A túnica média é espessa em proporção ao seu lúmen, em relação a outras artérias.
  • Artérias pequenas:
    • Têm até 25 camadas de músculo liso
    • Pequenas artérias estreitam-se em direção à rede capilar e tornam-se arteríolas.
  • Arteríolas:
    • Últimos vasos antes de entrar nos leitos capilares
    • Ponto primário no qual o corpo controla o fluxo sanguíneo relativo para os leitos capilares de vários órgãos
    • Apenas 1-3 camadas de músculo liso
  • Metarteríolas:
    • Vasos curtos que ligam arteríolas e capilares
    • Têm esfíncteres pré-capilares: células musculares lisas individuais que circundam a entrada de um capilar, regulando o fluxo sanguíneo para os leitos capilares

Relevância Clínica

Vasculites

As vasculites são um grupo de doenças autoimunes caracterizadas por inflamação e danos nas paredes dos vasos sanguíneos mediados pelo sistema imune. A perda da integridade do vaso pode levar a hemorragia, bem como isquemia e necrose a jusante. Estes processos podem ser primários ou secundários e tendem a afetar apenas vasos de um tipo específico ou num local específico.

Tabela: Classificação de vasculites
Categoria de vasculite Exemplos de doenças em cada categoria
Vasculite de grandes vasos
  • Arterite de Takayasu
  • Arterite de células gigantes
Vasculite de médios vaso
  • Poliarterite nodosa
  • Doença de Kawasaki
  • Tromboangeíte obliterante (doença de Buerger)
Vasculite de pequenos vasos
  • Vasculites associadas a ANCA:
    • Poliangeíte microscópica
    • Granulomatose com poliangeíte
    • Granulomatose eosinofílica com poliangeíte (síndrome de Churg-Strauss)
  • Vasculites de imunocomplexos:
    • Doença antimembrana basal glomerular (síndrome de Goodpasture)
    • Vasculite crioglobulinémica
    • Vasculite por IgA (IgAV, pela sigla em inglês) (Púrpura de Henoch-Schönlein)
Vasculite de vasos variáveis
  • Síndrome de Behçet
  • Síndrome de Cogan
Vasculite de um único órgão
  • Vasculite primária do SNC
  • Angeíte leucocitoclástica cutânea
  • Aortite isolada

Doenças que envolvem alterações das paredes arteriais (estrutura e/ou função)

  • Hipertensão: pressão arterial elevada, definida como > 130 mm Hg sistólica ou > 80 mm Hg diastólica: A hipertensão pode resultar de um aumento do débito cardíaco ou da resistência vascular sistémica. A resistência vascular é largamente determinada pela constrição e/ou dilatação relativa das paredes arteriais. A hipertensão é um fator de risco para muitas doenças secundárias, como acidente vascular cerebral, insuficiência cardíaca congestiva, enfarte do miocárdio e doença renal crónica.
  • Aterosclerose: forma comum de doença arterial na qual a deposição de lípidos forma uma placa nos vasos sanguíneos grandes, médios e pequenos em todo o corpo: a lesão endotelial desencadeia a deposição de lípidos, libertação de moléculas inflamatórias, hiperplasia do músculo liso e aumento da formação de tecido conjuntivo na região, dando origem às placas ateroscleróticas. Estas placas levam ao estreitamento do lúmen do vaso, à perda de elasticidade e à redução ou obstrução do fluxo sanguíneo. As placas com rotura podem se tornar embólicas, levando a danos agudos nos órgãos-alvo.
  • Arteriosclerose: doença que envolve o endurecimento dos vasos e perda da sua elasticidade intrínseca: A arteriosclerose é mais frequentemente associada à hipertensão e à diabetes mellitus.
  • Aneurisma da aorta: dilatação anormal da aorta resultante de um adelgaçamento e/ou enfraquecimento da parede da aorta, causando a sua protuberância: Os aneurismas da aorta podem ocorrer na cavidade torácica (aneurismas da aorta torácica que afetam principalmente a aorta ascendente) ou na cavidade abdominal (aneurismas da aorta abdominal). A rotura de um aneurisma da aorta é uma emergência com risco de vida.

Referências

  1. Taylor, A.M., Bordoni, B. (2021). Histology, blood vascular system. In StatPearls. Retrieved April 26, 2021, from https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK553217/ 
  2. Saladin, K.S., Miller, L. (2004). Anatomy and Physiology, 3rd ed., pp. 749–751). 
  3. Moore, K.L., Dalley, A.F. (2006). Clinically Oriented Anatomy, 5th ed., pp. 39–41).

USMLE™ is a joint program of the Federation of State Medical Boards (FSMB®) and National Board of Medical Examiners (NBME®). MCAT is a registered trademark of the Association of American Medical Colleges (AAMC). NCLEX®, NCLEX-RN®, and NCLEX-PN® are registered trademarks of the National Council of State Boards of Nursing, Inc (NCSBN®). None of the trademark holders are endorsed by nor affiliated with Lecturio.

Estuda onde quiseres

A Lecturio Medical complementa o teu estudo através de métodos de ensino baseados em evidência, vídeos de palestras, perguntas e muito mais – tudo combinado num só lugar e fácil de usar.

Aprende mais com a Lecturio:

Complementa o teu estudo da faculdade com o companheiro de estudo tudo-em-um da Lecturio, através de métodos de ensino baseados em evidência.

User Reviews

¡Hola!

Esta página está disponible en Español.

🍪 Lecturio is using cookies to improve your user experience. By continuing use of our service you agree upon our Data Privacy Statement.

Details