Perturbação Dismórfica Corporal

A perturbação dismórfica corporal é uma condição psiquiátrica caracterizada por preocupações do doente em relação a defeitos mínimos/não visiveis do seu aspeto físico. Os pensamentos obsessivos sobre esses defeitos levam a comportamentos compulsivos para encobri-los, seja com cirurgia plástica ou com isolamento social. Estes doentes têm um grande risco de desenvolverem depressão/ ansiedade comórbidas e podem beneficiar de técnicas de psicoterapia e de inibidores seletivos de recaptação de serotonina (IRSS).

Última atualização: May 3, 2022

Responsibilidade editorial: Stanley Oiseth, Lindsay Jones, Evelin Maza

Epidemiologia e Etiologia

  • Prevalência mundial: 2%–4%.
  • Sexo feminino > sexo masculino
  • Surge tipicamente na adolescência (em 65% dos casos surge aos 18 anos)
  • 90% dos doentes têm depressão comórbida.
  • 70% têm ansiedade comórbida.
  • 30% têm um distúrbio psicótico comórbido.
  • Maiores incidências nos doentes submetidos a cirurgias dermatológicas/cosméticas.

Etiologia

  • A etiologia é desconhecida.
  • Fatores predisponentes que se acredita terem um papel:
    • Genética: 43% de herdabilidade observada em gémeos monozigóticos
    • Disfunção no lóbulo frontal → défices nas funções executivas → atenção focada em detalhes específicos do corpo ao invés de toda a aparência.
    • História de negligência ou abuso
  • Alguns estudos sugerem uma predisposição genética conjunta com a POC.

Apresentação Clínica

Geral

  • Os doentes normalmente não expõem as suas preocupações.
  • Os doentes podem apresentar diferentes graus de insight e devem ser questionados especificamente sobre o modo como percecionam os seus sintomas.
  • Os doentes submetem-se frequentemente a procedimentos dermatologicos/plásticos no sentido de corrigirem estas imperfeições
  • Pode apresentar-se com:
    • Ansiedade social e evitamento
    • Sofrimento emocional
    • Prejuízo funcional e diminuição da qualidade de vida
    • Ideação e comportamento suicida:
      • 4 vezes mais provável de ocorrer ideação suicida
      • 2 vezes mais provável de realizar suicídio
    • Comportamento agressivo

Dismorfia muscular

  • Subtipo da perturbação dismórfica corporal
  • O indivíduo está preocupado com a ideia de que a sua estrutura corporal é muito pequena ou insuficientemente musculosa.
  • Frequente nos homens
  • Associado ao abuso de esteroides anabolizantes

Comorbilidades

  • Depressão major
  • Perturbação de ansiedade social
  • Perturbações de personalidade
  • POC
  • Perturbações do comportamento alimentar
  • Perturbações de abuso de substâncias

Diagnóstico

Os doentes apresentam:

  • Preocupação com um ou mais defeitos ou falhas percebidas na aparência física que não são observáveis ou que parecem leves para os outros:
    • Estas preocupações são difíceis de resistir ou controlar.
    • Ocorrem em média durante 3-8 horas/dia
  • O doente executa comportamentos repetitivos em resposta à preocupação:
    • Comparar a própria aparência com a de outros indivíduos
    • Verificar os defeitos percebidos no espelho
    • Excesso de cuidados
    • O doente procura tranquilização nos outros
    • Camuflagem
  • A preocupação causa sofrimento clinicamente significativo ou prejuízo no funcionamento social, profissional ou em outras áreas importantes da vida do indivíduo.
  • Se se cumprirem os critérios de diagnóstico para uma perturbação do comportamento alimentar, esta deve ser diagnosticada em vez da perturbação dismórfica corporal.

Tratamento e Prognóstico

  • A psicoeducação é muito importante, visto que muitos doentes carecem de conhecimento sobre a condição.
  • O tratamento inclui intervenções psicológicas e farmacológicas:
    • Intervenções psicológicas:
      • TCC
      • Terapia metacognitiva
      • Tratar as comorbilidades
    • Farmacoterapia:
      • Inibidores seletivos de recaptação de serotonina (SSRIs; fluoxetina)
      • Clomipramina

Prognóstico

  • Doença crónica
  • A resposta ao tratamento requer ≤ 16 semanas de terapia.
  • Taxa de resposta de 50%–80% ao tratamento farmacológico
  • As recidivas são comuns; terapia de manutenção com SSRI está recomendada.

Diagnóstico Diferencial

  • A perturbação de ansiedade generalizada (PAG): uma perturbação mental marcada por preocupações múltiplas e crónicas que são irracionais e incontroláveis. A apresentação clínica inclui fadiga, baixos níveis de concentração, inquietação, irritabilidade e distúrbios do sono. Estes sintomas duram por mais de 6 meses e causam prejuízo funcional. O tratamento inclui psicoterapia e fármacos (por exemplo, SSRI ou SNRI).
  • Perturbação de ansiedade social: também conhecida como fobia social, é uma doença psiquiátrica caracterizada pelo medo e pelo evitamento de interações sociais devido à preocupação de se sentir constrangido. Normalmente tem uma duração superior a 6 meses e cursa com um significativo impacto funcional. O subtipo “apenas de desempenho” ocorre apenas em situações relacionadas com o desempenho em público (por exemplo, um discurso em frente de pessoas). O tratamento inclui TCC, antidepressivos (SSRI, SNRI) e beta-bloqueantes ou benzodiazepinas para o subtipo “apenas de desempenho”.
  • Perturbação obsessiva compulsiva (POC): condição caracterizada por pensamentos, sentimentos ou sensações intrusivas recorrentes (conhecidas como obsessões) que consomem tempo e causam grande sofrimento. Os sintomas são parcialmente aliviados pela realização de ações repetitivas (conhecidas como compulsões), que consomem tempo e afetam a qualidade de vida do doente. Os doentes podem apenas experimentar obsessões ou então uma combinação de obsessões e compulsões. Monoterapia com antidepressivos está recomendada, ao qual se pode adicionar TCC ou medicação antipsicótica.
  • Anorexia nervosa: perturbação alimentar caracterizada pela fome autoimposta e hábitos alimentares inadequados devido a um medo intenso de ganhar peso e a uma alteração da perceção do peso ou forma corporal. Os doentes têm um peso extremamente baixo (≤ 18.5 kg) e várias complicações fisiológicas e psicológicas. A condição é mais frequente em mulheres adolescentes. O tratamento consiste em psicoterapia (TCC) e hospitalização para correção de deficiências nutricionais.

Referências

  1. Veale D, Gledhill LJ, Christodoulou P, Hodsoll J. (2016). Body dysmorphic disorder in different settings: A systematic review and estimated weighted prevalence. Body Image. https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/27498379/
  2. Enander J, Ivanov VZ, Mataix-Cols D, Kuja-Halkola R, Ljótsson B, Lundström S, Pérez-Vigil A, Monzani B, Lichtenstein P, Rück C. (2018). Prevalence and heritability of body dysmorphic symptoms in adolescents and young adults: A population-based nationwide twin study. Psychol Med. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC6236441/
  3. Grant JE, Kim SW, Crow SJ. (2001). Prevalence and clinical features of body dysmorphic disorder in adolescent and adult psychiatric inpatients. J Clin Psychiatry. https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/11488361/
  4. Phillipou A, Rossell SL, Wilding HE, Castle DJ. (2016). Randomised controlled trials of psychological & pharmacological treatments for body dysmorphic disorder: A systematic review. Psychiatry Res. https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/27544783/
  5. Phillips KA, Keshaviah A, Dougherty DD, Stout RL, Menard W, Wilhelm S. (2016). Pharmacotherapy relapse prevention in body dysmorphic disorder: A double-blind, placebo-controlled trial. Am J Psychiatry. https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/27056606/
  6. Gunstad J, Phillips KA. (2003). Axis I comorbidity in body dysmorphic disorder. Compr Psychiatry. https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/12923704/

USMLE™ is a joint program of the Federation of State Medical Boards (FSMB®) and National Board of Medical Examiners (NBME®). MCAT is a registered trademark of the Association of American Medical Colleges (AAMC). NCLEX®, NCLEX-RN®, and NCLEX-PN® are registered trademarks of the National Council of State Boards of Nursing, Inc (NCSBN®). None of the trademark holders are endorsed by nor affiliated with Lecturio.

Aprende mais com a Lecturio:

Complementa o teu estudo da faculdade com o companheiro de estudo tudo-em-um da Lecturio, através de métodos de ensino baseados em evidência.

Estuda onde quiseres

A Lecturio Medical complementa o teu estudo através de métodos de ensino baseados em evidência, vídeos de palestras, perguntas e muito mais – tudo combinado num só lugar e fácil de usar.

User Reviews

¡Hola!

Esta página está disponible en Español.

Details